Programamos a nossa mente, quase sempre de maneira inconsciente. Quem acredita que é preciso apenas viver a todo custo, submetendo-se eternamente a tratamentos ou remédios sem tentar qualquer outra alternativa, engana-se.

Deixar-se escravizar por um método ou medicamento que você acredita ser “o único” não lhe garante estado de saúde, mas de doença controlada. Por isso, dê tempo ao tempo. Saboreie a vida devagar, o importante é deixar de sabotar aquilo que é positivo e feliz em sua vida, projete o futuro e exercite-se para chegar lá apreciando o presente. Shakespeare não estava sendo metafórico quando disse: “você quer saber como está seu corpo hoje?. Lembre de seus pensamentos de ontem. Quer saber como estará seu corpo amanhã?. Olhe seus pensamentos hoje!. Quem vive a ansiedade do amanhã perde hoje as melhores oportunidades. Use sua mente com criatividade em favor do seu desenvolvimento espiritual e do perfeito funcionamento do seu físico. Perceba o que seu corpo lhe diz após um ataque de raiva; e como ele se comporta depois de uma boa sessão de gargalhadas; observe a diferença.

Todo progresso exterior é resultado do crescimento interior, só se expressa no exterior o que já é no interior. Para onde estiverem voltados, mente e coração atrairá o que lá existe, assim, voltado para o mundo negativo, atrairão elemento negativos, voltados para o mundo positivo, atrairão elementos positivos. E se a perfeição começa aí, bem dentro de você “somos as únicas criaturas na face da terra capazes de mudar nossa biologia pelo que pensamos e sentimos”- Dr. Deepak Chopra – Cura Quântica.
Aprender a se amar, a acreditar em si mesmo e a programar-se de forma positiva a sua mente é um processo de crescimento interior. O importante é deixar de sabotar aquilo que é positivo e feliz na vida.

Artigo publicado no jornal Café News – Número 11 Ano1.

Postado em: Sem categoria